terça-feira, 30 de dezembro de 2008

domingo, 28 de dezembro de 2008

É impressionante como essa época faz despertar todo o tipo de sentimento.

Não que eu goste desses discursos de Natal que muita gente faz por aí..

Mas olhemos a nossa volta, só na minha familia teve gente ficando muito feliz, gente se empolgando demais, gente se empolgando de menos e até gente pirando (calma, não sou eu, ainda.)


Apenas uma perspectiva entre o Natal e o Ano Novo.




E que a próxima volta no sol seja bem boa pra vocês.

terça-feira, 23 de dezembro de 2008

E viva o Jornalismo

A manchete diz:

Banana é afrodisíaco; conheça outros


Conheça outros quem? Outros seres? Outras frutas? Outros afrodisíacos? Outros usos da banana?

segunda-feira, 22 de dezembro de 2008

"Só vim curtir meu rockzinho antigo
Que não tem perigo de assustar ninguém"


Raul é MARA.

Che na bunda, Che na parede

tchê...

acabo de rever V de Vingança e estou cheio do espírito revolucionário. Mas escreverei algo que faça sentido.



Ontem, vi o Fantástico, apareceu uma mulher, empregada doméstica que descobriu a internet. A primeira coisa que ela fez, foi descobrir quem era o Che Guevara, pq ela tinha recebido de presente uma tanga com o rosto dele.

Fatos a serem comentados:

1 - Pq eu estava vendo Fantástico?

2 - Pq alguém faz/compra uma canga com o rosto do Che Guevara?

O que me motivou a escrever sobre isso foi a consciência da mulher, que sabia que estava estampando por aí um símbolo, e quando teve oportunidade, foi saber o que era. Garanto que tem muita gente por aí que deveria fazer isso. Prestem atenção na rua, gente com qualquer coisa na camiseta.

Ah! Quando a apresentadora perguntou se ela tinha continuado a usar o Che na bunda ela disse: "eu não. tirei da bunda e coloquei na parede."



Frase de filme: "Idéias são a prova de balas."
Frase filosófica: "Imparcialidade, justiça, liberdade são mais que palavras. São perspectivas." (V)

domingo, 21 de dezembro de 2008

O que a doença tira de ti, é o prazer de ser leve. O prazer de prosseguir sem peso nas costas, com a cabeça aberta.
Eis o perigo, curar-se e ficar preso na doença.

sábado, 20 de dezembro de 2008

POR QUAL MOTIVO as pessoas que estão na minha frente e sabem quem eu sou viram para minha mãe e perguntam como eu estou?



taqueoariu
"Como vovó já dizia..."


"..quem não tem visão bate a cara contra o muro.."


"...josé newton já dizia, se subiu tem que descer.."










Raul é MARA.

sexta-feira, 19 de dezembro de 2008

"Descoberto ambiente capaz de sustentar vida em Marte"



Quem tá afim?

quinta-feira, 18 de dezembro de 2008

Se as fábricas de carro quebram, aumenta a crise. Se continuarmos comprando carros, morre o planeta.

Talvez nunca tenhamos precisado mais de uma síntese.

sábado, 13 de dezembro de 2008

Da série Poesias Noturnas - 1

SOBRE CONCEITOS COMUNS:

Prisão? existem várias.
Lugares? muitas são as pátrias.
Amor? pode ser só paixão.
Sim? pode ser melhor um não.
Não? pode ser melhor um sim.
Abraços? sempre é bom algo assim.
Sorrisos? costumo colecionar.
Olhares? procuro um para amar.


SOBRE O ESPÍRITO PACÍFICO-REVOLUCIONÁRIO

Revolucionar pela paz.
Talvez uma guerra muda?
Começada por quem vêm de trás,
Iniciando a pacífica luta.

Nunca se sabe
Quando vai chegar
A hora de lutar ou de amar
Quando se desce, quando se sobe.


SOBRE DESEJOS ESCONDIDOS

Brinco com o fogo e queimo.
Brinco com a água e inundo.
Te vejo, e pleo teu amor, teimo.
Te dou, por um beijo, o mundo.

SOBRE DUVIDAS E INDECISÕES

Viajar ou cuidar do lar?
Caminhar, correr ou pular?
Criar ou reproduzir?
Talvez ficar, talvez sair.

quarta-feira, 10 de dezembro de 2008

"necessidade vontade, necessidade desejo"

A placa do DAEB* na porta.
Uma cama para descansar.
Uma mesa para estudar.
Um violão para a minha música.
Uma câmera para os meus filmes.
Uma foto que seja única.












*Deus abençoe esta bagunça.

terça-feira, 9 de dezembro de 2008

Tem coisas que o tempo cura.
Tem coisas que o tempo muda.
Tem coisas que distrói.
Tem coisas que constrói.
E sempre se tem a esperança de reaver aquele instante.
A independência é a melhor das formas de sinceridade.

Afinal, sendo independente se faz o que quer, se esta onde quer, se fala o que quer, para quem quer.


E ah! Andam dizendo por aí que é bom...

http://www.youtube.com/watch?v=uAke-eHYqz0

terça-feira, 25 de novembro de 2008

Pense no que tu deixou de fazer hoje.

Isso, no que simplesmente não foi feito.

Porque tu não quis, porque tu não conseguiu, porque tu não podia.


Agora pense no que será feito amanhã.

No que tu é obrigado a fazer, no que tu quer fazer.


Tente começar a fazer tudo que quer.

Porque um dia pode juntar o fato de tu não poder, com o fato de querer.
E aí sim, dói.

segunda-feira, 24 de novembro de 2008

Sorvete de Alho

É verdade que estar com Leucemia faz as pessoas perderem muitas coisas, mas tem algumas que só acontece com a gente.

Antigos amigos ligam com remorço, de não falarem contigo faz tempo.
Todo mundo quer te fazer um favor.
Diálogos interessantíssimos com outros doentes na sala e espera. As pessoas mais velhas tentam me dar força, como se elas não precisassem também.
Chocolates, muitos chocolates.




Esse tipo de coisa. Mas o mais engraçado, foi esses dias, que a mãe resolveu fazer pão com alho na janta (aqueles, de como antes do churrasco, sacas?. Pois bem, felizmente esse dia eu tava consgeuindo comer, então comi, pão com alho. Depois, veio o sorvete (sim, essa é outra parte boa, sempre tem sorvete), e eu, comi sorvete de chocolate.

Algum tempo depois, eu estava quase deitando e me deu um das "tosses intermináveis" que acabam em vômito e sabe do do que eu senti gosto? Sorvete de Alho com Chocolate. Não experimentem.

Como meus vômitos são reações dos remédios, não sinto aquele gosto ruim de vômito, sinto o gosto da comida q eu comi... ou dos remédios... e essa mistura ficou horrivel.


Portanto digam não ao Sorvete de Alho.



E meu Xavante só me faz sofrer...

segunda-feira, 10 de novembro de 2008

Sobre saber, diferenças, Beatles e Slow Motion

"coragem para mudar o que posso,
humildade para aceitar o que não posso,
e sabedoria para saber diferenciar"

ou algo assim.






A mais ou menos um ano atrás, descrevi em algum lugar (provavelmente aqui) um momento que foi muito significativo para mim.

Estava eu a correr para pegar o ônibus, mochila nas costas e chuva caindo. Quando pulei um banco do calçadão e alguém colocou alto uma música dos Beatles, "she loves you". Sabe aqueles instantes que passam em câmera lenta? É, parecia que um capitulo da minha vida encerrava enquanto outro começava.

Semana passada, aconteceu outro momento assim, que passou em câmera lenta. Mais uma vez Beatles, mais uma vez chuva. Porém, nada de capitulos começando ou terminando, apenas uma cena emocionante.

Chuva, BR-116, noite. No banco de trás do carro, eu e meu irmão. ele me pergunta algo sobre violão e, com a resposta, volta pros seus pensamentos. O pai faz menção de trocar a estação do rádio quando começa a tocar Across the Universe, peço para ele não trocar. Ele olha pra frente, segura a direção com a mão esquerda e a mão da mãe com a direita.

Não sei se estavam todos na mesma sintonia que eu, mas durante aquela música, o tempo passou devagar e eu me senti feliz e esperançoso.


Qual momento prefiro? Nenhum, a vida é minha e tudo isso faz parte de mim.


Bom, vou lá que tenho que estudar.

sábado, 8 de novembro de 2008

Ando percebendo, que, neste mundo real, uma grande história sempre nos leva a crer que seus personagens são grandes pessoas.

Até que ponto ídolos e modelos são verdadeiros?

Talvez os atos definam realmente quem somos. Ou quem somos define como agimos?

Tento partir da idéia de que, o que somos define o que fazemos. E o que fazemos define para os outros o que somos.


Enfim, coisas de quem tem muito tempo para pensar. Preciso de atividade.
Vou lá, ver se estudo um pouco.

sexta-feira, 7 de novembro de 2008

Tem coisas que vão, tem coisas que vem.
E tem coisas que vem e vão.

E como essas coisas, o pensamento.
Só que muito mais rápido.
E a velocidade nos pune e nos congratula.

E com os pensamentos, as escolhas.
Só que as escolhas só vão.
Elas nunca voltam.

E é aí que pode doer.

quarta-feira, 5 de novembro de 2008

frases

"Os grãos foram chegando e.... de repente... a montanha estava lá"
(autor desconhecido)


Frase ouvida em meio a uma exposição de arte, em uma performance.

Eu queria escrever algo aqui. E me veio isso.

Ai, escutei Beatles e eles disseram "eu olho pra ti e vejo que o amor está dormindo" e também "It's gonna be, allright".

Então, encerrei aqui, pq as coisas a se dizer são muitas, mas a se fazer tb.

Cumprimentos.

quinta-feira, 16 de outubro de 2008

Ismos...

Em tempos de crise, qualquer um pode achar que entende alguma coisa:



A professora de História que me ensinou a diferença entre capitalismo, socialismo e comunismo disse uma frase da qual nunca esqueci.

"O mundo precisa de outro ismo" disse minha mestre Cristina.


'Procure o caminho do meio antes de lutar, Donatelo' acho que disse um outro mestre, o Splinter.


Infelizmente na época éramos apenas alunos da 6ª série. E as Tartarugas preferiram comer pizza.
Agora, nesses tempos de confusão em bolsas, bancos quebrando e muito tempo disponível para ver televisão fiquei pensando que a falta do "outro ismo" ou do caminho do meio leva a decisões muito estranhas.

Pasmem! Os EUA, símbolo máximo do capitalismo, para acabar com o desespero, a aflição o caos total... vai estatizar partes dos bancos!


Eu sei, eu sei... o tapado aqui não deve saber da missa a metade sobre essa crise, mas, em tempos de crise....





Frase de filme: "O que é o fracasso?"

Frase filosófica: "quem levou meu cabelo?"

terça-feira, 14 de outubro de 2008

Noticias...

Enjôos e vômitos, de novo.
Hospital, de novo.

E meus trabalhos atrasam, e minha carteira atrasa, e minha paciência acaba.

Meu ensaio e minha viagem são cancelados.

Mas nem tudo está perdido, o Xavante está ganhando, e aceito o futebol como meu ópio.

Pão e circo!

terça-feira, 7 de outubro de 2008

o medo de sumir.
não se sabe o que fazer.
agonia de não ter feito o suficiente.
agonia de não ser o suficiente.

O que sobrará no final?
O que ficará dito?
O que terá sido aprendido?
O que terá sido construído?

O que é necessário?
O que é desejo?
O que é?
O que?

No fim, o que será?
No fim, o que cada um dirá?

3

Lá se vão 3 meses e as coisas realmente mudam.

Algumas coisas são reforçadas, outras somem.
Mas o que mais interessa é que tudo é questionado.

Uma doença como a que eu tenho faz com que o doente gravite em torno da própria vida. Ao parar com 99% da própria rotina, se olha para o que se deixou de lado e se passa a ter uma nova visão.
Passamos a viver como se fosse a lua, olhando para o mundo de fora, só recebendo a luz mínima para continuarmos ali.
Mas, aos poucos voltamos a realidade. Voltamos a ter que fazer escolhas, e fazer escolhas nunca é fácil. E faze-las logo depois de ver e rever, formular e reformular muitas coisas não é lá muito fácil.

Aos poucos começo a retomar as redeas. Fiz uma prova da faculdade e começo o processo da carteira de habilitação.
Não é nada demais, mas para quem vive para os remédios é bastante.

Ah! Efeitos colaterais passando.



Meu Xavante ganhando!


Cumprimentos.

segunda-feira, 6 de outubro de 2008

Paciência e livros.

"pode escolher entre jogar paciência e ler um livro"
Martha Medeiros

Li isto ontem e foi como um soco na cara.


Já recomecei minhas leituras.




Frase de filme: "podemos começar de novo?" " podemos."

Frase filosófica: "o que tu deixas pro futuro?"

terça-feira, 30 de setembro de 2008

Pura, pura perspectiva.

Vou mostrar o porque do nome do blog.


Medicação me deixou enjoado. Enjoado é pouco.
Cheiro da cozinha, enjoava. Ler, enjoava. Usar o pc, enjoava. Escovar os dentes, enjoava.
Eu tava tão enjoado que fiquei sem comer carne quase uma semana, eu, Leonardo Peixoto, sem comer carne.


Atrasei meus estudos, não tinha quase nenhum jeito de me divertir. Mas tem um lado bom.


Recorrendo à minha última descoberta: a literatura culinária para doentes. Fiquei sabendo que coisas geladas ajudam a passar a sensação do enjôo. Resultado, me entupi de sorvete, picolé e coca-cola de garrafa de vidro.

Pura perspectiva.





Ah. não fiquem brabos comigo, como dito acima, não estava usando o pc e perdi meus celulares dentro de casa, estão sem bateria, daqui a pouco eu acho eles, mas por enquanto...




Abraços.

sexta-feira, 26 de setembro de 2008

Pergunto-me, então, se vale a pena.
Olho pela janela e alcanço a resposta.
O pôr-do-sol, alguém correndo, a música ao longe,
Preciso voltar ao mundo.

sábado, 20 de setembro de 2008

Da busca do equilibrio...

A vida é equilibrada, só nos falta encontrar o equilíbrio dentro de nós.

Do mesmo jeito que coisas que dificultam e desanimam aparecem do nada, coisas que facilitam e animam também o fazem.




e pessoal nos comentários, como diria o Roberto Carlos:

"se chorei ou se sorri, importante que emoções eu vivi"

E vivemos, todos.






Obrigado a quem compareceu no Sete....

quarta-feira, 17 de setembro de 2008

Double Take

Estava longe de qualquer computador, por isso a demora deste post, mas ainda há tempo.


Amanhã, 18:30, Teatro Sete de Abril, Double Take.


Quem puder compareça.

Para ver o filme.
Para bater papo.

Por mim, que não posso ir e ficarei vendo a novela das 6 num hospital.

sábado, 13 de setembro de 2008

As setas.

"siga as setas azuis"

Surpreenda alguém.
Ou entregue-se a surpresa.

Crie setas azuis para alguém e tenha um destino fabuloso.







(quem entender essa ganha um biscoito)

sexta-feira, 12 de setembro de 2008

Palavras

1- Dor.
Nada fácil.
Porque lutar?
Pelo prazer de enfrentar a próxima.

2- Sorrir.
Nem sempre fácil.
Porque sempre?
Porque de um sorriso nasce outro.

3- Sinceridade.
Raramente é fácil.
Porque insistir?
Torna mais simples.

4- Amizade.
Pode ser difícil.
Porque?
Porque um abraço sempre vale a pena.

quarta-feira, 10 de setembro de 2008

dois meses

(texto feito ontem)

Dezenove anos, Dois meses e Dois dias, diz no relatório do hospital.
Dois meses e Três dias freqüentando o hospital.
Dois meses de Quimioterapia.

O tempo é relativo, diria aquele velho barbudo.
Mas passa rápido até. Tem dias que se arrastam, mas aprende-se a dormir mais, ver mais coisas na TV, jogar paciência Spider com 2 naipes, e de vez em quando fazer algo útil.

Noticía ruim. Troca de cronograma no tratamento. Provável que não vá para o Double Take.

Mas vocês, que moram em Pelotas não percam.

Teatro 7 de Abril, dia 18, 18:30 horas.
Double Take + debate.

Cumprimentos.

segunda-feira, 8 de setembro de 2008

É de batalhas que se vive a vida

É de batalhas que se vive a vida, batalhas que se pode perder ou ganhar. Mas sempre com a certeza de que existirá a próxima.

Quando será a última? Só Ele sabe, a única coisa que temos que fazer é o melhor na que estamos enfrentando atualmente.

Tudo é uma batalha, percebam. Mais difícil ou mais fácil, e achar que ela vale a pena ou não depende da nossa perspectiva.

Algumas batalhas devem ser enfrentadas sozinhas, ou ainda, exigem um treinamento isolado (tipo o rocky, sacam?).

Não sei se por quais desses dois motivos ando não respondendo alguns contatos de longe.
Não é nada pessoal. Compreendam.





"Veja
Não diga que a canção está perdida
Tenha fé em Deus, tenha fé na vida"

"Levante sua mão sedenta e recomece a andar
Não pense que a cabeça agüenta se você parar, "

"Tente
E não diga que a vitória está perdida
Se é de batalhas que se vive a vida"

Raul, Raul...

quarta-feira, 3 de setembro de 2008

Demoras...

Vômitos, desmaios, enjôos, alergias, transfusões.

Muitos são os motivos pela demora aqui.

mas tudo continua caminhando direitinho.


Ah! Provável que eu vá para Pelotas para a exibição do Double Take no Sete de Abril. PROVÁVEL. Não me cobrem.

E ah. Somente e exclusivamente para esta exbição.


NÃO PERCAM! não por mim, pelo filme e pelo papo mesmo.

Até mais.

segunda-feira, 25 de agosto de 2008

Vontade

Tchê, eu, sentado do lado de fora da Santa Casa, esperando minha carona, vejo uma cena incrível.

Imaginem:

Um homem, com lá seus 50 anos e problemas respiratórios. Como eu sei dos problemas respiratórios? Ele estava 'preparado' pra receber aquele aparelho que respira pelas pessoas no pescoço. Tava com a garganta aberta e fechada com uma tampinha metálica.

Enfim, este homem com problemas respiratórios graves, o que provavelmente indica uma doença no pulmão, esperou a acompanhante dele (que parecia ser filha dele) entrar no hospital e começou a fumar. FUMAR! uma cara com a garganta aberta, com uma doença no pulmão fumando escondido!


Só se melhora quando se quer mesmo.

Taqueopariu.




Cumprimentos

sexta-feira, 22 de agosto de 2008

Dor, cansaço, saudade.

Como diria o Wander "eu não consigo ser alegre o tempo inteiro"

Dizem que vou aprender com isso, dizem que só estou passando por isso porque vou conseguir superar, dizem que tá acontecendo comigo porque sou forte, dizem que é só uma fase, dizem que com certeza vai passar, dizem que sou forte, dizem que é bom ver o meu sorriso, dizem que vou aprender, dizem que vai dar tudo certo.

Falam tudo isso, me dão um chocolate, apertam meu dedão do pé, contam um piada.

Mas dói, e cansa, e da saudade.


O que mais da é saudade.

O cansaço volta e meia aparece.

E a dor tá sempre ai, mas nunca queiram fazer uma punção lombar, é terrível.


Enfim, um desabafo.


Se alguém que leu isso me disse uma das coisas lá de cima não se preocupe. É tudo verdade (talvez a parte que eu sou forte e tão não seja tanta..) eu que tô cansado da situação e acabei escrevendo.


Frase de filme: "você que está matando todo mundo!"

Frase filosófica: "eu não consigo ser alegre o tempo inteiro" (graaaande Wander!)

quarta-feira, 20 de agosto de 2008

Eleições

Só pra registrar:

como eu estava obrigado a passar 24 horas na cama, e os canais de TV a cabo estavam sem legendas eu vi a propaganda eleitoral de Porto Alegre.

eu gosto da cidade de Porto Alegre, pessoas de todos os tipos, lugares legais e, espero, meu futuro local de trabalho, a não ser que aconteça uma revolução em Pelotas,

Enfim, só queria registrar que vou me decepcionar muito com os cidadãos da cidade se elegerem como vice-prefeito o grande intéprete de pérolas da MPB como "melo do analfabeto" "ejaculação precoce" "chuva nas calcinhas" e "ah! eu to sem erva!"

Na faculdade seguidamente dizemos que "qualquer um faz um vídeo" agora estou adptando pra "qualquer um se candidata".

PORFAVOR.

domingo, 17 de agosto de 2008

Da dor e do sucesso

Eu já tinha chegado a conclusão de que a forma como enxergamos e o que fazemos diante das conseqüências e coincidências da vida são as coisas que realmente contam.
Agora começo a perceber que o mais marcante são as formas como reagimos a dor e ao sucesso. A reação à esses dois extremos que revelam o quão bem sabemos viver.

Profundo hoje hein?


Frase de filme: "volte. volte pra mim"

Frase filosófica: "o que você mostra?"




PS: a boina é uma necessidade médica (radioterapia exige pouco sol na cabeça) e uma necessidade psicológica (eu tinha todo aquele cabelo, preciso de algo na cabeça).

quinta-feira, 14 de agosto de 2008

Aventuras em um supermercado

Outro trecho do diário.


"Hoje fui no supermercado e estava olhando os chocolates. Na minha frente, uma mãe e seu filho de uns 5 ou 6 anos. Quando ela olha para trás, resolve ir embora. Imagina, o filho dela perto do cara de máscara e boina. Quando vi que ela parou na ponta do corredor, fiz questão de ir até lá como se não tivesse percebido e estivesse muito interessado em barras de cereal. Ela trocou de corredor, quando cheguei perto, chamando o filho que estava encantado em um chocolate com embalagem de desenho animado.
Algo positivo disso? Agora eu realmente sei o que é preconceito."


Eu fico pensando que eu já devo ter feito coisas parecidas. Todos temos preconceitos. Não adianta negar. O que nos inocenta ou não é nossa abertura para descontruí-los.

Acho eu né.

frase de filme: "era você ou ele" "grande escolha!"

frase filosófica: "qual o seu preconceito?" (acho que tinha uma campanha publicitária com essa, mas é o que to pensando hoje)

terça-feira, 12 de agosto de 2008

Algum tempo depois.

Ok. Demorei para voltar aqui. Minha vida ficou um pouco mais agitada.
Como decidi escrever um diário, ai vai um trecho, sobre quando sai para comprar tênis no último fim de semana.

"Um adendo ao fato de eu ter saído hoje.

Sai de mascara na boca e no nariz. Proteção a mais contra bactérias voadoras.
Cabeça raspada.
Moleton com capuz.
Sobretudo preto.
Calça jeans.
All-star.

As pessoas abriam caminho para mim.

Que horror.

Claro que é mais por causa da máscara. Mas na volta me olhei no espelho e vi que a roupa tinha ajudado.
Minhas impressões em relação às expressões e reações das pessoas quando me viam de máscara podem parecer falsas ou paranóia de quem está doente. Então, tentarei expor fatos.
Passei por uma ex-colega minha, com a qual tinha uma boa relação enquanto estudávamos juntos, mas não mantivemos grande contato e acho que não sabe que estou doente. Ela não me reconheceu (ok, eu estava de máscara e cabelo rapado) e fez a pior coisa que se faz para um doente, me olhou com cara de pena e cutucou a pessoa do lado para comentar.
Entramos eu e minha mãe numa loja para olhar tênis. Passamos por vendedores parados que nos olharam sem saber o que fazer e apenas o terceiro nos atendeu, este sim, sorridente.
Em outra loja, onde resolvemos fazer a compra, existem dois caixas, portanto duas filas. Entramos em uma, e esperamos a nossa vez. Quando efetuamos a compra, e esperávamos a impressão da nota, resolvi olhar para trás com calma. A fila do caixa do lado, tinha 5 pessoas. A fila atrás de mim. Atrás do cara com a máscara estava vazia.
Uma amiga da minha mãe nos encontrou nesta mesma loja. Chamou ela, minha mãe cumprimentou ela. E a amiga disse "teu guri, como está?" . ERA ÓBVIO QUE 'O GURI DELA' ERA EU, parado ali do lado de máscara. Quantos filhos com leucemia minha mãe teria? Mas não, ela não virou para mim e perguntou como eu estava. Ou perguntou, "esse que é teu filho?" Não, me ignorou.
Caminhando pela calçada, ao lado de carros parados esperando a sinaleira abrir, as pessoas de dentro do carro apontavam para mim.
Minha mãe parou de repente para ver um vitrine. Quando me dei conta, me virei repentinamente para encontrar com ela e topei com um senhor, que caminhava rápido de cabeça baixa. Ele se irritou e começou a reclamar. Quando olhou para o meu rosto, pediu desculpas.

Eu sei que é normal não se saber o que fazer.
Inclusive meus parentes as vezes. Querem saber o que posso e não posso fazer ou como estou reagindo ao tratamento. Querem saber isso por preocupação, para saber se comportar aqui em casa ou ainda pra saber se podem me dar algum doce ou algo assim. Só que, conversando comigo e com a minha mãe, se viram para ela e soltam frases como "fruta, ele pode comer?" "E ele pode usar o mesmo banheiro que a gente?" " e ele está muito cansado?" "e ele tá reagindo bem? tá caindo cabelo?"
Porra. Quando a intimidade é um pouco maior eu corto a resposta da minha mãe e digo "pode perguntar pra mim, eu estou aqui. Não, não posso comer nada que não seja frito, cozido, assado ou industrializado". Ou a resposta da pergunta feita. Quando falta intimidade ou estou cansado do mundo (sentimento comum de doentes em tratamento longo, outra hora eu explico) ignoro e deixou a mãe responder.
A mãe sempre responde sorrindo e enfatiza que estou bem. Ela é o máximo.

Enfim, deixo um conselho e uma informação.

Conselho: quando não souber o que fazer na frente de um doente que tu não conhece, sorria. Não aquele sorriso "olha como sou feliz", mas aquele sorriso simpático que diz "olá. sei que tu ainda é um ser humano e pode falar comigo como se eu fosse um também".
Sei que ficou estranho. Mas se tu não conhece a pessoa, esse é o tom. Tu é um ser humano, ela é outro e vocês vão interagir ali. Vender um suco, dividir a calçada, chingar por não olha por onde anda, cumprimentar porque os olhares acabaram se cruzando.

Informação: pessoas que caminham de máscara na rua estão SE protegendo de TI. Não o contrário.
É tu que pode infecta-las e não o contrário.

Sempre defendi o sorriso como forma de transmitir o que se está pensando. Sempre achei melhores que os olhos. Essa experiência de sair na rua privado de mostrar o que eu estava pensando/sentindo com meu sorriso ou a falta de me fez reforçar essa idéia.

Sorrisos sinceros."




Notícias da minha saúde:

Já fui pra casa.
Já voltei para o hospital.
Já sai e estou nos meus padrinhos.
Só saberei como será o próximo mês amanhã.

e ah. Raspei a cabeça.



Frase de filme: "Uma idéia não morre!"

Frase filosófica: "do que você tem medo?"

segunda-feira, 4 de agosto de 2008

Ando.

Ando vendo bastante filmes, mas poderia ser bem mais.
Ando lendo bastante, mas podia ser mais.
Ando ouvindo bastante, mas podia ser mais.
Ando escrevendo bastante, mas podia ser melhor.

Ando pensando bastante.

Sobre pensar tenho minhas dúvidas se seria bom se fosse mais ou menos, se poderia ser melhor ou pior.

Porém, quanto mais leio/escuto/vejo/ouço/escrevo penso que não estamos tão longe de conseguir. Falta só um pouco de organização.
Conseguiremos, se quisermos.

E é contigo mesmo que estou falando.



Frase de filme: "você acredita em sonhos?"

Frase filosófica: "rá!"

Esclarecimentos

Só pra constar:

Quando falo do Élvis me refiro somente ao rosto inchado. Não tentem me imaginar cantando, rebolando ou com um topete.

Quando falo de sentimentos e Poderoso Chefão ao mesmo tempo, é a busca do equilíbrio.
O caminho do meio deve ficar entre ser compreensivo e honrar a família.


Sinceros agradecimentos para quem freqüenta isto aqui.
Mais para aqueles que comentam.

Ah! Comecei um diário sobre essa função toda. Se souberem de um a gente literário interessado.

Cumprimentos.

domingo, 3 de agosto de 2008

Sessão auto-ajuda

"é sempre bom entrar aqui. tu ta sempre bem. Podia ta sentindo tanta coisa"

Obrigado. Só to escutando isso graças as orações e forças de vocês.


E aliás, andam repetindo que o fato de eu continuar sorrindo mesmo estando no hospital é uma coisa muito especial e boa e tal.... pararara.. blablablabla

Não sei, tem algumas coisas que sempre penso.

Porque não sorrir? As piadas não deixam de ser engraçadas só porque algo deu errado, músicas boas continuam sendo boas, os filmes bons também, e não se deixa (ou não deveríamos) de gostar das pessoas.

Frases para ilustrar (sim, tipo livro de auto-ajuda):

"A vida é um moranguinho." Não sei quem disse isso primeiro, mas eu e uma amiga minhas empre repetimos um pro outro. E é mesmo. Se não existissem percalços, não existiria alegria. Afinal, sendo tudo perfeito, como melhorar?

"Não recebemos cruz que não podemos carregar" Ok, isto envolve minha fé, que pode não ser a tua. Mas faz todo sentido, pense nisso.

"AS coisas sempre terminam bem. se não estão bem é porque não terminaram"
Faz anos que eu digo essa, só ontem descobri que é do Fernando Pessoa. E é a mais pura verdade. Obviamente que nem tudo se resolve quando se passa por uma dificuldade, mas depois de um tempo sempre se encontra um ponto de equilíbrio.

É, equilíbrio. Talvez seja esse o ponto.

Pense nos grandes problemas pelos quais já passou. Depois do desespero, não chegou o equilíbrio?
Um ponto onde acabamos por aceitar as conseqüências e passamos a viver. E esse viver que é a questão. Se pode passar a viver lamentando, e mesmo assim se terá um equilíbrio, pode não ser divertido, mas um equilíbrio.
Se pode achar o equilíbrio tentando melhorar. Pega-se a situação e se faz o que puder pra melhorar. E é isso que faz sorrir quando se está isolado em um hospital, com sensibilidade nos dedos, ficando careca, fraco e branco e parecido com o Elvis antes de morrer.

Achei que o texto ficaria melhor.


Frase de filme: "Vou fazer uma proposta irrecusável"

Frase filosófica: "As coisas sempre terminam bem. se não estão bem é porque não terminaram"



Cumprimentos.
Até.

quarta-feira, 30 de julho de 2008

Rá!

A palavra.
A compreensão.
A atenção.

E escreve-se.
E fala-se.
E sente-se.

Ignora-se.
Imagina-se.
Imagina-se.

O sorriso.
O jeito.
O trejeito.


Não gosto da letra U.
E não é pra entender mesmo.

Pois é

As vezes parece que ter um plano a seguir torna as coisas mais fáceis.
As vezes, esse é o difícil.

O caminho é não ter caminho. Mas as vezes é bom pegar uma trilha segura.



Enfim, pensamentos entre fios, cabos, soros, bombas, chocolates e aparelhos eletrônicos.
Sem falar em piadas de enfermeira e doces.

Cumprimentos,
Deus Abençoe vocês.

sábado, 26 de julho de 2008

Perspectivas

O mundo realmente é perspectiva.

Uma conversa que seria trivial, torna-se o evento do dia.
Um quarto, o seu universo.
Um filme, tudo que se pode querer.
Uma carta, produtora de lágrimas e sorrisos.

Enfim, achemos a perspectiva certa para sorrir.
Sempre é possível.

quinta-feira, 24 de julho de 2008

Realidade Alternativa

"é chato chegar a um objetivo num instante".

O Raul também é foda.



Um dia, o Ramon trouxe um letra. Eu escrevi mais um pouco. Terminamos juntos. Não lembro quem escreveu essa parte aí de baixo, mas ando lembrando bastante desta música que fizemos, quase ninguém ouviu e não lembro o nome.

"Quem sabe ser sincero?
Talvez até ser bom.
Sorrir pra quem está do lado.
Simplesmente curtir um som!"


E tudo caminha adiante no 613.

Abraços e beijos.
Deus abençoes vocês.

segunda-feira, 21 de julho de 2008

Insight hospitalar

Em um insight hospitalar, um escrito pseudo poético-musical.

Enfim, como vi o Jorge Drexler dizer hoje: "acredito no trabalho em conjunto. eu crio e o público interpreta"

Simples, ele é bom mesmo.



"Vejo de novo aqueles olhares,
Revejo aquela cena.
O passado é boa companhia,
enquanto se olha pra frente.

A melodia não para,
ainda cantamos aquela canção,
Lá, num domingo, velhos.
Seja entre amigos ou onde for.

Edita-se o mundo como se quer,
Um novo ato, uma nova cena.
Que tal não fechar as possibilidades?
De repente, falar o que se pensa.

Amando entre gargalhadas,
Vendo entre as linhas,
Acreditando sem poder,
Aceitando os impulsos.

Testar teorias,
Aceitar abraços,
Um novo plano,
Um novo acorde.

Luz, camera, ação."



Em frente, pelo bom combate.
Pelo fim desta etapa.
Pelo lado certo da força.
Por tudo que ainda há pra fazer.
E por Ele que nos guia.


Cumprimentos.

De uma segunda-feira chuvosa e feia.

O que esperar de uma segunda-feira chuvosa internado em um hospital?

Boas noticias, boa surpresas, grandes visitas.

Ótimas lembranças pelotenses. Agradeço a todos que enviaram lembranças, inclusive o vídeo com gritos e sorrisos e também ao Lucas, a Luiza, a Manu e ao Marcos que trouxeram-nos pessoalmente.

Visitas surpresa do Vale so Sinos também ótimas... afinal, Estância Velha não fica na grande Porto Alegre... ;)

Sem falar no agradável domingo em família, revendo os irmãos adotados ou não...


Enfim, isso tá ficando um diario mesmo. Não é o objetivo.





Querendo ou não, estar doente traz novas experiências e faz crescer.
Crescer dói. Mas faz bem também. Não que eu ache que depois disso tudo serei perfeito, mas a sensação é que saberei o que fazer com meu tempo.

Sinto-me feliz na medida do possível, resolvi escrever.

Cumprimentos a quem passa por aqui.


Beijos a Abraços
Deus abençoes vocês.

domingo, 20 de julho de 2008

Sobre visitas e comunicações

Primeiro lugar, desculpem chamadas não respondidas no msn. Eu entrei só pra confirmar visitas e pra conversar com o pai, que tá longe. E o pai, é o pai. (vide foto).


No 613 tudo bem. As visitas ajudam a me animar e passar o tempo, enquanto posso recebe-las tranquilamente.

Ligações/emails/recados ajudam a lembrar o mundo lá fora e que se têm muito a fazer nesse mundo.

Algumas coisas mudaram, não estou com o soro por enquanto, o tapete quase podre do vizinho foi retirado da janela. Os Beatles continuam tocando.

De resto, tudo caminha bem.

Obrigado por tudo ae.

Abraços e beijos.
Deus abençoes vocês.

quinta-feira, 17 de julho de 2008

Sobre Chuva e Sol

Eles disseram:

"Se a chuva vem eles correm e escondem suas cabeças.
Eles também poderiam estar mortos,
Se a chuva vem, se a chuva vem.
Quando o sol brilha eles correm pra baixo da sombra,
E arranjam suas limonadas.
Quando o sol brilha, quando o sol brilha.
Chuva, eu não ligo,
Brilhe, o tempo está bom.
Eu posso te mostrar que quando começa a chover,
Tudo é o mesmo,
Eu posso te mostrar, eu posso te mostrar.
Chuva, eu não ligo,
Brilhe, o tempo está bom.
Você pode me ouvir que quando chove e brilha,
É só um estado da mente,
Você pode me ouvir, pode me ouvir?"



Post emocionado.

Obrigado a todos que fazem parte da minha vida e estão mandando forças.
Obrigado a quem permanece na chuva comigo e não reclama da caminhada com sol na cara.
Obrigado Petry por mandar as palavras certas daqueles que sempre tem o que dizer.



Sigamos em frente.

Eles também disseram: "com uma pequena ajuda dos meus amigos" e "tudo que você precisa é o amor".

e ELE não nos dá cruz que não possamos carregar.




E por aqui tudo continua caminhando pro sucesso.
As dificuldades esperadas, mas a força certa para supera-las.



Abraços e beijos
Deus abençoe vocês

segunda-feira, 14 de julho de 2008

Amigos

tenho ouvido muito as frases "teu orkut tá bombando" "tu anda vendo teus e-mails?" e "tens que conseguir entrar na internet". Ok, ainda não consigo voltar ao mundo virtual, mas resolvi escrever esta "carta" pra explicar como estou.
Sim, estou com leucemia. Não, não estou muito mal. Até que sou um doente saudável.
Tenho sorte de estar num bom hospital com bons médicos. Minha família está me ajudando muito e agradeço muito a todos que enviam de alguma forma, força, orações, boas energias e palavras de incentivo.
É tedioso estar em um hospital, mas já tenho muitos livros à mão e aos poucos vou aumentando o número de filmes que vejo. O cd com músicas dos Beatles vai arranhar de tanto escutar, o tapete que o vizinho do hospital colocou pra secar no dia que eu cheguei e não tirou está apodrecendo, a máquina do soro não para, a comida é boa para um hospital, as enfermeiras sempre tentam ser simpáticas, até que não tem muito barulho, até que to aprendendo bastante de hematologia.
Talvez este retiro forçado sirva pra produzir uma música ou um roteiro que nunca mais saia da cabeça de vocês. Talvez não, mas esta é uma esperança.
A outra é que em seis meses esteja novo em folha, correndo a trás do prejuízo na faculdade, me divertindo com uma câmera, pegando meu baixo em algum palco por aí, ajudando os amigos que puder, criando a propaganda que me cair nas mãos.

Me atrevo a alguns pedidos:

- continuem torcendo/orando por mim. Que sempre é bom receber apoio dos amigos e boas energias.
- não digam "coitadinho do Léo". Afinal, vai passar. E com uma visita ou ligação se percebe que ainda falo bastante, tenho opinião sobre quase tudo e minhas piadas não melhoraram.
- quando contarem pra alguém que estou doente terminem com a frase "mas ele já ta melhorando". Porque eu to mesmo, sempre em frente, sempre em direção ao fim desta etapa e começando a próxima.


Enfim, beijos e abraços a quem interessar.
Deus abençoe vocês.


Att,
Leonardo Peixoto

quarta-feira, 4 de junho de 2008

Educação

Será coincidência que a pessoa que gritava para uma amiga no ônibus "rodei em tudo! só consegui passar em geografia!" é a mesma que jogou uns 5 papéis de bala pela janela?




Frase de filme: "quanto mais falamos, menos significado as palavras tem"

Frase filosófica: "taqueopariu"

segunda-feira, 2 de junho de 2008

Máximo. Persistência.

Teoricamente, quando se faz o máximo que se consegue e se leva a persistência ao máximo, conseguimos.


É, mas a parte da persistência ás vezes é difícil demais. E é chata. E dói.

segunda-feira, 19 de maio de 2008

Em breve....

"o maior problema desse mundo é a burrice humana. isso nunca que vai ter cura."



Pragas Urbanas. Aguarde.

domingo, 18 de maio de 2008

Frases.

Frase de filme: "eu nunca sei o que fazer!"

Frase filosófica: "tão dificil quanto saber o que fazer quando o acaso nos ajuda, é tentar enfrenta-lo quando ele resolve não ajudar."

Frase de música: "eu não consigo ser alegre o tempo inteiro"

sexta-feira, 16 de maio de 2008

Saúde.

Quando criei isso aqui minha idéia não era contar coisas que aconteceram comigo, porém, hoje vale abrir uma exceção...

Estava eu, caminhando pela rua voltando para casa. Era entre 11 e 12 horas.
Resolvi cortar caminho pelo Parque da Baronesa, e depois que atravesei o parque, vi, parda num esquina, uma moça passando mal.
Thais, o nome dela. Estava andando de bicicleta e parou pois estava se sentindo tonta.

"tudo bem moça?"
"to tonta! e não enxergo nada!"

De repente, chega uma garotinha de uns 12 anos e pergunta se eu quero ajuda.

"eu levo ela ali no posto de saúde e tu leva a bicicleta dela"

quando eu ajudei a Thais a levantar e passei o braço dela por cima do meu ombro, ela desmaiou. A garotinha, que se chamava Manuela, se assustou e pedi pra ela ir até o posto de saúde chamar um médico.

Algum tempo depois, enquanto eu estava ali com a Thais, sem saber muito o que fazer, Manuela volta com a seguinte noticia, e é por isso que eu estou escrevendo.

O médico que trabalha no posto de saúde não estava no momento. E as enfermeira não podiam atende-la porque era muita responsabilidade. O médico não tem culpa, provavelmente era o horário de almoço, mas questiono muito esta atitude das enfermeiras.

Claro, liguei para a SAMU (emergência, ambulância) e Thais foi bem atendida.

Fico pensando, será que ver muitas pessoas doentes ou em dificuldade nos torna frios? As pessoas que vieram na ambulância eram dois enfermeiros, ou seja, com a mesma capacidade das enfermeiras que trabalham no posto de saúde, então, possuíam o mesmo nível de conhecimento.

"é muita responsabilidade, depois a gente tem que responder pelo que acontecer por ela" disseram. Mas não é, para um profissonal da saúde, uma irresponsabilidade maior deixar uma pessoa desmaida na rua nas mãos de um estudante de cinema que só tem boa vontade e conhecimento zero pra ajudar?

talvez eu esteja indignado demais, e este texto pareça meio exagerado amanha. Mas acho que é possível entender.



Frase de filme: "isto não é um clínica, são pessoas se ajudando"

Frase filosófica: "solidariedade. solidariedade."

Pragas Urbanas

"o que tem que melhorar na cidade?"

"acho que as pessoas"



Pragas Urbanas. aguarde.

quarta-feira, 14 de maio de 2008

Vida.

Nervosismo.
Mãos se mexendo sem que a consciência interfira.
Um pouco de medo.
Olhar fixo em um sorriso.
Preocupações tristes.
Preocupações boas.
Uma fala significativa.
Um gesto signiticativo.
Gargalhada.
Choro.
Planos.
Esperanças.

Sinta-se vivo.

terça-feira, 13 de maio de 2008

Lindolfo.

Lindolfo reclamava.
Reclamava da cidade que tinha nascido, porque que era monótona.
Reclamava do seu cabelo encaracolado e loiro,o que deixava-o com cara de tapado.
Reclamava que era baixinho, o que deixava-o em desvantagens em brigas.
Reclamava que era baixinho e calçava 42, o que deixava-o com jeito de palhaço.

Assim, Lindolfo foi crescendo.
Reclamou de ter caido na turma daquele cara chato. Reclamou de ter aula com aquele professora burra. Reclamou de ter conhecido aquela guria depois q ela tinha namorado e de ter ido naquela festa chata.
Reclamou da turma da faculdade ser horrivel, afinal a dos veteranos era ótima. Reclamou de ser estagiário. Reclamou de não conseguir emprego. Reclamou do emprego que conseguiu.
Lindolfo tem um trauma. Por ser baixo, com cabelos cacheados e loiros as gurias sempre olham pra ele e dizem "parece um anjinho". e só. Só, elas só dizem isso e seguem até o cara que menos parece com um anjinho. Lindolfo reclama disso.
Lindolfo tem outro trauma, até hoje, com seus 20 e poucos anos, ainda duvidam se ele pode comprar bebida. Ele áté foi ao médico ver se não tem algum problema de crescimento mas não tem. E Lindolfo reclama disso.


Um dia desses, Lindolfo recebeu uma ligação dizendo que tinha conseguido o emprego que sempre quis, graças a uma indicação da faculdade. E isso ainda aconteceu logo após uma guria linda ter se declarado pra ele.

Lindolfo não soube o que fazer.
Lindolfo só respondeu "sim" no telefone.
Lindolfo desligou o telefone e ficou olhando pra guria. Não sabia o que dizer, disse "eu também", mas ela tinha dito que sempre sonhou com um cara de cabelos cacheados e loiros.












Frase de filme: "Não vejo o que qualquer um pode ver, Em mais ninguém, Além de você"

Frase filosófica: "reclamamos tanto das coincidências ruins, que quando elas são boas não sabemos o que fazer"



\o

domingo, 4 de maio de 2008

tchê, créu do índio e gol do Clemer.

que fiasco.

sábado, 3 de maio de 2008

orkut.

sexta feira, orkut solteiro: 10 visitas

sábado, atualização no orkut para "namorando": 82 visitas.


ô povo....

quinta-feira, 1 de maio de 2008

A culpa.

música composta nos últimos instantes...





“Se a vida e o mundo não te agradam, se a tua geração não faz nada, se ti estás sem saber onde ir.. De quem é a culpa?”


DE QUEM É A CULPA? (leonardo peixoto)




G Am
A culpa é dos nossos pais,
C D
Deixaram o mundo assim,
A culpa é da televisão
Que deixa a gente tudo assim.

Assim meio cabisbaixo,
Sem saber o que pensar
Assim meio para baixo
À ver o mundo acabar

A culpa é do cinema
A ação nos deixa assim
A culpa é da propaganda
Marketing acaba assim.

Assim meio sem amar,
Só desejo de comprar,
Assim meio sem querer
Só vou com quem tem poder

A culpa é da igreja
Orar nos deixa assim
A culpa é dos políticos,
Votar deixa a gente tudo assim

Assim meio reclamando,
A culpa nunca é minha,
Assim meio relembrando,
A felicidade que eu tinha

A Bm
A culpa é da mãe
D E
O Freud sempre dizia
A culpa é do Rock and Roll
Talvez o que o John fazia

A Bm D E
Podíamos querer, mudar o mundo
Mas nós não vamos conseguir.
Talvez púdessemos lutar, por justiça
Mas é tão mais fácil assistir.

ouié 3

talvez... sentir-se solitário em meio aos outros... seja uma saída.

diversão garantida.
comprometimento controlado.



Frase de filme: "busque a vitória pura"

Frase filosófica: "solidão acompanhada"

segunda-feira, 28 de abril de 2008

é tudo verdade.

Final de semana caxiense na mostra itinerante do 13° Festival Internacional de Documentários É Tudo Verdade.

Público aquém do esperado (esperado por mim, pelo menos) mas foi útil, garanto.

O que mais me impressionou, ao ver os documentários, foram os contrastes entre as percepções de mundo. Um documentário, pra mim, retrata a percepção que uma pessoa tem sobre um determinado assunto. Quando o cineasta opta por colocar entrevistas, o que é muito comum, no seu filme acaba por se utilizar da percepção de outras pessoas.

Quando se vê, logo em seguida, um documentário sobre a visão que os americanos (de leste até o oeste) tem sobre o papel que a nação deles exerce no mundo e os atos do presidente Bush e um outro documentário, mostrando o que aconteceu com alguns cidadãos israelenes num período de uns 15 ou 25 anos leva-se um choque. Sem falar se incluírmos nas comparações a história da construção do cristo redentor ou sobre os acontecimentos de 1968.

Isto, um choque. Vivemos todos no mesmo mundo, todos no mesmo tempo e percebemos tudo diferente. Claro que existem valores universais, porém, o significados destes valores é muito diferente. Os preconceitos que se criam, os sonhos que se sonham.

Claro, com a globalização algumas distâncias estão diminuindo, porém, eu acho que até essa aproximação mostra ainda mais, como se percebe as coisas de forma diferente. Em muito lugares do mundo uma empresa vende o mesmo produto, mas em cada lugar as pessoas atribuem um significado pra ele.

Acabei percebendo estas diferenças entre meus colegas de curso e de viagem também. Afinal, não necessário comparar um hipiie de 68, uma israelense que se mudou pra Londres, um médico-fanaticocristao americano, um torcedo do Boca Juniors e um escritor fanático por Vodca com Coca pra perceber que existem 6 bilhões de mundos.

Faça este exercício na sua volta... dá uma baita sensação de solidão. Mas de liberdade também.


Frase de filme: "devíamos fazer algo mais do que colocar nossas empresas lá"

Frase filosófica: "aeeeeeeeeeeeeeeeee era mentira! era mentira!"

sexta-feira, 25 de abril de 2008





"um dia a espera acaba. cedo ou tarde."

coincidências, futuro, necessidades, desejos, viagens e...

ás vezes.. acontecem algumas coincidências...

e elas não saem da nossa cabeça.



Teoria filosófica do dia: "somos resultado das conseqüências de nossos atos. porém, nossos atos acontece dentro de um acaso/destino/caminho/desejodeDeus. o acaso e as coincidências acontecem sozinhos, o que fazemos com eles é culpa nossa. não reclame da vida, acontece com todo mundo. se parece que só acontece contigo, experimente superar, amanha o cara do lado vai ta f..."


abraços. Caxias me espera.

quinta-feira, 24 de abril de 2008

VIAJEI.

viajarei. sem escritos no fim de semana.

"quero viajar,
sair deste lugar,
para que quando caminhe,
não enxergue lembranças,
mas sim o futuro" (Leonardo Peixoto)

"viajei
viagem boa
a gente não enjoa de esquecer,
que um dia vai voltar" (Vitor Ramil)

Sorrisos, gargalhadas, piadas, histórias, estórias, Caxias e Filmes.
Será divertido.

E o Curso de Cinema e Animação da UFPEL pode, acho, considerar-se ativo e evoluindo.

Aguardem-nos.







Frase de filme: "ISSO é CINEMA!" "Demente forever!"

Frase filosófica: "mochila nas costas, câmera na mão"

quarta-feira, 23 de abril de 2008

sim. mudei o blog. antes q tu ache q está no lugar errado.

terça-feira, 22 de abril de 2008

é nóis

Só pra caracterizar um pouco mais o desaparecimento da nossa saudosa lingua portuguesa.

"É NÓISSSSSS E NÃO TEM PRA NINGAS... "


Eu sempre achei q tivesse regras demais na lingua portuguesa... e que poderia ser mais simples... mas não nesse ponto né...



tsc, tsc...





ps: não inventei isso.. frase encontrada no orkut...

segunda-feira, 21 de abril de 2008

A culpa.

Já repararam que sempre que alguém vai falar sobre os problemas atuais de comportamento e cultura e parara.... colocam a culpa na televisão, na propaganda, nos filmes ou (sim, até isso já li) nos shows de rock?

Pq os jovens correm no trânsito? Filmes.
Pq os valores estão deturpados? Televisão, propaganda.

E uma vez li um panfleto da União da Juventude Socialista que citava shows de rock como se fossem lavagem cerebral capitalista.


Então, já que sou formado em publicidade e propaganda, tenho uma banda de rock e curso a faculdade de cinema... devo estar sendo perseguido por ONG's politicamente corretas... ou sou um exemplo de como a sociedade é ruim e manipula os jovens.



Frase de filme: "Qual está na primeira base?" "não, o Qual está na segunda, Quem está na primeira"

Frase filosófica: "a culpa sempre é do Léo"

quinta-feira, 17 de abril de 2008

Lingua Portuguesa

Gurizada....

uma vez uma amiga minha, a Eleonora, escreveu que odeia quando as pessoas humilham outras que não sabem falar direito, ou tem vicios de linguagem...

Lembrei disso quando sentei pra escrever, mas percebi que não é o caso. Vejam se não tenho razão..

Acordei hoje e, antes de ir pro IAD, resolvi ler as noticias do glorioso Xavante.

Não é que leio a pérola:

"seus negócios se estendem por México, Espanha, Portugal, Buenos Aires e outros países"

Bah! Obs.: li isso no jornal.



Agora, ao "viajar" pelo orkut, me deparado com uma legenda de foto: "KINTTETOW ! " isso mesmo! vom K, dois Ts e W!

K, dois Ts e W. pra quem nao entendeu, era pra estar escrito quinteto.

Tchê, superou o Hyanthony!


Nada contra as pessoas que escreveram isso, tanto o cara do jornal, a pessoa da foto ou a mãe do Hyanthony.. mas...

é impressionante como a língua portuguesa anda mudando. Eu digo mudando porque mesmo existindo as regras tradicionais, daqui uns anos só vão existir pessos que cresceram escrevendo pq, soh, jah, mIgUxO e KINTTETOW. E dai pronto, mudou a lingua portuguesa e foram as regras pro beleléu.

Ainda mais que as regras vão mudar também.. e dai sim, será o caos.


Sobre o jornal, já basta um filme que a capital do Brasil é Buenos Aires... mas Buenos Aires país?

e sobre o Hyanthony... bom, até que ele é um jogador esforçado.





Ps: eu ia colocar uma foto mas nao carregou.


Frase de filme: "num sei, só sei q foi assim"

Frase filosófica: "Here comes the sun, here comes the sun, and I say It's alright"

quarta-feira, 16 de abril de 2008

Perda de tempo.

Um dia, há muito tempo atrás, meu pai chegou em casa com um computador.
Achei o máximo. Fui la, fiquei olhando.
Quando meu irmão (menor que eu) chegou e, sem pestanejar, começou a tocar no teclado eu disse "para! tu não sabe o que tá fazendo!" meu pai riu "calma, ta desligado"

nunca fui muito ligado no mundo da informatica.
sempre preferi um futebol ou um filme.

Enfim, hoje em dia tenho um blog, um perfil no orkut, um msn... mas não sou tão ligado, nunca sei qual o ultimo video famoso no youtube ou a celebridade bloguistica do momento.
Mas entendo (acho) as pessoas que sabem.
Porém, tem uma coisa que eu não entendo... não entendo mesmo..

Porque. eu digo PORQUE? tem tanto recado no orkut e email falando merda?

"a onda agora eh fazer sexo em publico!"
"clique aqui e veja a adriane galisteu nua!"
"UNIVERSITARIAS gauchas ficam loucas em festa e mostram tudo!"
"quer me ver MOLHADINHA na web cam?"

fico tentando imaginar pq! pq! alguem se presta a sentar no pc, escrever essas coisas, catar uma foto de uma guria gostosa e mandar pra um monte de gente.

eu sei, eu sei.. a industria porno ganha mais dinheiro do que a industria de filmes "normais" mas... alguem realmente entra nesse tipo de link por email/recado? (supondo que algum nao seja virus neh).


não sei, num é tentando ser puritano.. soh acho que eh perda de tempo mesmo...

engraçado





"os blogs de vcs são uns mini textos tentando parecer inteligente"



não é que eu tente parecer inteligente... é que eu não sei ser engraçado mesmo.
as vezes que tentei ser engraçado ou ninguém comentou nada ou enxergaram um lado profundo.

aquela imagem ali, eu acho engraçada.

acabei de ver uma coisa engraçada:
- meu vó e minha vó sentados na sala vendo um clipe do eminem.

e, acho, tentarei demonstrar meu bom humor aqui.



Frase de filme: "qual seu nome?" "bety" "bety! deixou cair isso no chão? acho que deixou, quando estava entrando"

Frase filosofica: "rá!"

sábado, 12 de abril de 2008

Longe, muito longe.

Dor.
Mal estar.
Horror frente a aparência.
Irritação frente as pessoas.

Choro. Afinal, a única coisa que se queria era aquele colo e aquele cafuné.

Mas tá longe, muito longe.




Frase de filme: "Muito bem, Daniel Sam"

Frase filosófica: "quero minha mãe!"

quinta-feira, 10 de abril de 2008

o sentido da vida

"qual o sentido da vida?"

"não sei.. mas se na vida a gente nasce, cresce, se reproduz e morre acho que o sentido da vida é fazer isso no maio espaço de tempo possivel"

"mas é só isso o sentido da vida?"

"acho que sim"

"tá mas... se esse é o sentido da vida, a única coisa que temos que fazer é transar, porque, nascer, crescer e morrer não são coisas que escolhemos"

"será?"

"de repente"



eu, ainda prefiro acreditar que o sentido da vida é 42.


Frase de filme: "tanta palavra escrita em vão"

Frase filosófica: "42"
eu sempre digo (escrevendo aqui ou em conversas filosóficas) que a nossa vida é feita de escolhas e vivemos as conseqüências delas. eu ainda acredito nisso.
porém, as vezes tem q se escolher outro tipo de coisa.
dois tipos de coisa que são mais que necessários e desejados na sua vida acontecendo ao mesmo tempo, não há nada que o faça decidir. nenhum ponto negativo ou positivo a mais para um lado... apenas sua preferência.

quer dizer, nao existe preferência.

ah! o velho problema de não conseguirmos estar em dois lugares ao mesmo tempo.





Frase de filme: "não existe mais inocentes, existe esperto ao contrário, mas não existe inocente"

Frase Filosófica:

quarta-feira, 9 de abril de 2008

das conseqüências de seus atos

"vo corre pra pega esse"

Sim, sim. experimente correr para pegar seu ônibus e não verificar se é realmente o seu.

Assim poderá descer em uma parada estranha umas 11 da noite, nada mais agradável.



e sabe aqueles dias em que, de repente, aparece uma surpresa muito boa? é, eu quase não lembro mais....





Frase de filme: "acredita em sonhos menina do 5° andar?" "hoje não"

Frase filosófica: "agora vai!"

reflexão sobre a conjuntura

"que mundo. temos que usar camisinha, não pode mais tomar cerveja no estádio, e agora não pode apertar a mão e beijar!" mais ou menos assim, falou Paulo Santanna

Sem falar em Paulo Santana, se gostamos dele ou não.. pense nessa frase...

Cada vez mais temos coisas novas pra se preocupar.
Usa-se camisinha para não pegar uma doença que surgiu faz uns 20 e poucos anos. (tá, e pra nao termos filhos, o que ajuda as vezes...)
Não pode mais tomar cerveja em estádio porque tem gente que resolve aproveitar jogos pra brigar.
E agora, infecções por aí, diz a lenda que é melhor não apertar a mão de ninguém e beijar.... bom, beijar seria deveras perigoso.

Tem vezes que parece realmente que tempos modernos só trazem problemas modernos.



Frase de filme: "sua mãe vai ficar bem" "eu tenho cancer! como vou ficar bem?"

Frase filosófica: "alali!!!"

quinta-feira, 3 de abril de 2008

id, ego, superego decidem fazer uma roda punk

fantasmas de volta.
esperanças acabando.
esperanças nascendo.

fico pensando,
como teria sido.
e desisto.

fico pensando,
como será.
e paro.

não sei o que será.
esse não é o problema,
o problema é não ter o que esperar.

"preciso de um guia,
dizer não a hipocrisia"
eu disse uma vez.

achei que era capaz,
de mudar o errado.
agora parece que não.

talvez amanhã sinta,
que o novo pode realmente existir.

tomara. o sorriso será imenso.





viagem, saudades, ensaios, risadas, piadas, abraços.
o fim de semana deve ajudar.



Frase de filme: "admiro o ideal de vocês"

Frase filosófica: "primeiro tu acha que pode mudar o mundo, dai tu quebra a cara. depois tu tenta mudar as coisas perto, dai tu quebra a cara. Se mesmo assim continuar tentando, aí tu pode ser alguém"

ô televisãozinha....

3 horas da tarde. quinta feira.
vou do computador até a cozinha.
no caminho, a sala.
na sala, a tv.
na tv, por increça que parível... um desfile de calcinhas!
porra, se estamos em um país que as 3 (três. Três! TRÊS!) horas da tarde passa um desfile de calcinhas na tv, como esperar algo interessante deste povo?


e o pior é que as vezes aparece.
as vezes sente-se vergonha alheia.
mas tem vezes que aparece.


Frase de filme: "vai ter que ser o gigante!"

Frase filosófica: "putaquepariu! pq ninguém fala?????????"

quarta-feira, 2 de abril de 2008

penso.

penso.
penso.
penso.
penso.
penso.
e penso.


penso demais.
todo instante.
penso por pensar.
penso pra agir (as vezes o agir ganha)
penso por ideal.
penso pra mudar.


as vezes acho que é a vontade idealista de mudar o mundo.
as vezes acho que é a inquietude do artista.
as vezes acho que é presunção demais.

e deve ser mesmo.




Frase de filme: "todos dizem a mesma coisa"

Frase filosófica: "todos dizem a mesma coisa"

domingo, 30 de março de 2008

Para um fim de semana deveras agradável, faça:

Faça uma janta com amigos.

Depois, reveja alguns que faz tempo que não vê.

Adicione uma festa boa e depois dela veja o sol nascer.

Então, acorde tarde, almoce qualquer coisa. Beba um copo de coca-cola e vá.

Vá jogar algum esporte que poucos praticam e que te faça sentir bem.

Pronto. Um ótimo fim de semana pra você.





Frase de filme: "você mente?" "só pra manter o equilibrio"

Frase filosófica: "toooooooooooooooouchDOWN"

sábado, 29 de março de 2008

Nenhum De Nós - NotÍcia Boa

NOTÍCIA BOA


Eu queria que alguém

Me dissesse alguma coisa

Que eu ainda não sei

Que alguma coisa boa

Vai acontecer

É só esperar prá ver

Por Favor me traga

Uma notícia boa

Por Favor me traga

Uma Notícia

Mas que seja boa

Um telefonema, uma carta

Um programa de TV podem lhe trazer

O que você mais deseja

Eu sei que pode parecer besteira

Mas tem gente que espera

Uma vida inteira

Até ela chegar



Frase de filme: "eu vou me atirar da janela!"

Frase filosófica: "diante de uma bifurcação, que tal construir o caminho do meio?"

sexta-feira, 28 de março de 2008

as aventuras de ANOEL - 2

"RDO, ANOEL RDO" - disse ele.

A guria sorriu e seguiu com suas amigas, ao lado de ANOEL.

Elas iam conversando... fofoca. Falavam mal de um vizinho.

De outro vizinho agora.
Mais um.
Agora os filhos deles.

PORQUE! PORQUE! pergunta-se ANOEL... "se elas acham tão ruim, pq nao falam para os próprios vizinhos?"

"talvez tenham falado" tu podes ter pensado.

Não, não falaram.. a frase de uma delas foi "eu não comento pq não gosto de me meter sabe? mas que era melhor antes de eles irem pra lá, era."



Que horror. Que horror.



Frase de filme: "ele é um idiota"

Frase filosófica "pelamordeDeus"

quinta-feira, 27 de março de 2008

Frase de filme: "pq nao fazer um filme de verdade?"

quarta-feira, 26 de março de 2008

as aventuras de ALTEREGO - 1

ALTEREGO estava no ônibus. Um cara de mal com a vida ao seu lado. Duas mulheres na sua frente.


- Eu to lá... trabalhando com as crianças.. - "empolgação hein!"
- As da Marlene????? - desprezo, muito desprezo
-É.. essas mesmo... - a satisfação é algo - e tu? que andas fazendo?

- eu? to tri feliz.. to trabalhando como modelo... fazendo o que eu gosto! - humiiiiiiiilha!

- aé? tem que gosta né! tem que fazer o que gosta.. dessas coisas ai... eu não gosto! - rá!

- eu gosto... é bem bom.

- ainda bem.





Frase de filme: "não existem boas ações, apenas ações"

Frase filosófica: "agora vai!"

terça-feira, 25 de março de 2008

as aventura de ANOEL - 1

ANOEL é um cara estranho.

"RDO, ANOEL RDO. "

Sempre se apresenta assim. Seu sobrenome só tem três letras pq o cara do cartório entendeu errado. Ele sempre ri disto.

Enfim, ANOEL é um cara estranho.

Teve uma vez que decidiu sorrir. Sorrir. Cada vez que lhe dirigissem a palavra e ele estivesse controlando seu próprios sentimentos, ele iria sorrir.

E isto não mudou.

Uma outra vez, uma festa provavelmente, olhou para as pessoas da sua volta e percebeu que vivia mais nelas do que nele mesmo então, decidiu. Faria o máximo por elas. Cada vez que precisassem de ajuda por uma causa justa, daria o maximo por eles.

E isto não mudou.

Numa tarde de domingo, ANOEL decidiu levar a sua própria vida sempre na direção do que gostava de fazer. Seria mais divertido e mais fácil de sorrir.

E isto não mudou.

Numa terça chuvosa, ANOEL fez um filme. E decidiu tentar fazer aquilo pro resto da vida.

E isto não mudou.

Num outro instante, sentiu que tudo parecia sempre complicado à sua volta e, num instante, se resolvia. Neste instante, decidiu tornar tudo simples.

E isto não mudou.

Um dia, ANOEL apaixonou-se. Um não, vários. Decidiu viver ao máximo cada um daqueles dias.

E isto não mudou.

Porém, mesmo ANOEL não mudando, muitas coisas mudaram, algumas outras não, porém, muitas sim.

ANOEL continua sorrindo. Nunca desistiu. Isto já lhe rendeu alguns... como eu diria.. desastres, algumas inimizades... mas ANOEL ainda prefere o lado bom disto.

ANOEL ainda ajuda seus amigos. Já se sentiu trouxa. Já se sentiu usado. Mas a satisfação de ajudar e ver um sorriso sincero depois ainda mantém a decisão.

ANOEL ainda tenta nunca se afastar das coisas que gosta. Sabe que pode ficar realmente pobre por isso. Mas divertir-se e sentir-se bem de vez em quando não o tira desta situação. Um palco aqui, outro ali.

ANOEL fazedor de filmes. Ele ainda tenta. E sempre tentará. Outro ponto para deixa-lo pobre. Mas enfim, está preocupação vem depois.

ANOEL é simples. Continuará sendo. Algumas vezes acham-no despreocupado. Outras, longiquo. Outras, irresponsável. Mas ele ainda acha que um dia a filosofia do simples será adotado por todos.

ANOEL, enfim, desistiu de uma coisa. Não quis mais se apaixonar. Nega isto. Sempre foi muito bom, porém, mesmo vivendo tardes iguais aos seus sonhos, o lado negativo sempre deixava marcas profundas. Profundas demais para ser simples. Profundas demais para divertir-se num filme ou num palco. Profundas demais para que possa ajudar sem preocupar-se com outra coisa. Profundas demais para que o sorriso viesse para todos.







ANOEL, em um momento qualquer, estava distraído e percebeu. As decisões, uma vez tomadas, não mudam. Ele viu aquele sorriso e estremeceu. Sempre estremeceria.

É, por mais que lutasse aquilo não mudaria.
Tem coisas que nunca mudam. Podem ser esquecidas até administradas, mas nunca mudam.


Frase de filme: "minha ambição era maior que meu talento"

Frase filosófica: "alguns passos são definitivos e vivemos sob as conseqüências dele"

segunda-feira, 24 de março de 2008

Só pra constar...


que tem coisas q nao mudam mesmo.

Sentimentos

Sorrisos. Aqueles de sempre.
Piadas. As de sempre e umas novas.
Músicas. As de sempre, sempre.
Familia. A mesma, sempre.
Abraços. Os de sempre, mas com saudades agora.
Recados. Quase sempre, os de sempre.
Conversas. Essa sim, são novas sempre.
Filme. Os de sempre e os novos.
Viagens. Sempre, pra não cair nas ilusões da memória.



Frase de filme: "vim aqui pra te contar toda a história"

Frase filosófica: "sentir seja, talvez, o caminho para realmente existir."

Sinceridade Falsa

Pq fazer coisas nas quais não se acredita?

As vezes fico pensando se as pessoas se dão conta disso.

Talvez pq eu more em Pelotas, onde muitas coisas acontecem pq "sempre foi assim", mas somos tão ilógicos de vem em quando...


Reuniões inúteis, atos insignificantes, palavres repetidas sem q se saiba o significado, respeito falso que chega a ofender.

Sei que eu me repito. mas a sinceridade é tão SIMPLES e boa... pra que ficar ocultando e ofendendo?




Frase de Filme: "então, ele decidiu ajuda-la"


Frase Filosófica: "chega aeeeeeeeeeeeee!"

sexta-feira, 21 de março de 2008

Santa Sexta

Caminhar pelos mesmos lugares. pelo mesmo propósito.

Bom? ótimo. Mas o melhor foi voltar e ver, além dos mesmos lugares, os mesmos sorrisos.

Por um instante, olhei para frente e vi todos eles. Aqueles sorrisos que me acompanharam enquanto eu descobria o mundo. Todos encaminhando suas vidas, talvez seja verdade que a nossa infância era boa e estávamos todos sendo bem orientados.
Faltavam alguns, outros extras estavam ali. O certo mesmo é que vamos viver e seguir nossos sonhos, mas aqueles sorrisos sempre estarão presentes quando nossos olhares se cruzarem.





Frase de filme: "tu é meu amigo! meu amigo porra!"

Frase filosófica: "tu é meu amigo! meu amigo porra!"
boa pascoa para quem lê isto.





espero que as peças fora do lugar voltem a se encaixar.





até, amigos.

quinta-feira, 20 de março de 2008

ahã

"a alegria daquele instante, eu nem sei como cantar"´

é. me faz falta um instante desses.

coração duro demais, ou, talvez, o oposto e a minha defesa é inibi-lo.



saudades da esperança de outrora.
saudades da inocência de antes.
saudades da ignorância do passado.



Frase de filme: "é como Matrix, se você vê, nao vive"

Frase filosófica: "pensar demais faz mal, e parece que idealismo demais enlouquece."

quarta-feira, 19 de março de 2008

Como sentir-se satisfeito com a vida

Pegue 1 filme do Almodovar.
Adicione, 1 coca bem gelada, trakinas e chocolate.


Quando possível, adicionar boa companhia.




Só uma frase a dizer: "oooooooooooooooooooooo la em casa!"

"pensar demais faz mal"

"ás vezes eu entro demais nos meus próprios pensamentos"

Não sei onde que eu vi esta frase. Sei que anotei ela. Provavelmente um filme, mas mais provável ainda que seja um filme ruim e que a frase nao tivesse o significado q vou dar agora.

Tem vezes que todos nós. Todos. Pensamos tanto em uma situação/acontecimento/decisão que nos perdemos dentro de nós mesmos.
Quem nunca passou uma noite inteira pensando em alguma coisa que iria acontecer no outro dia e quando chegou o outro dia não precisou fazer 1/10 do que tinha pensado, porque as coisas foram se encaixando aos poucos?

Como costumo dizer, pensar é bom, mas pensar demais faz mal.
Tem coisas que se ignorarmos vão ser exatamente o que elas são, insiginificantes.
Tem coisas que não se deve pensar sobre elas, apenas senti-las.
Tem coisas que devemos pensar sobre elas, mas lembrar que não adianta só pensar, pq não estamos sozinhos.
Tem coisas que se deve pensar muito, mas até o limite de se perder dentro de si, pq esse é o pior labirinto.




Frase de filme: "Socorro! Os campos estão hibridos!"

Frase filosófica: "Viajou que o Scorcese tem, se descuidado nos roteiros"

terça-feira, 18 de março de 2008

experimentação

"e vivendo sem dramas e simplificando... se consegue alguns sorrisos sinceros pra coleção."
(não entendeu? leia "sorrisos" nos arquivos deste blog)




experimente nao aumentar os problemas. experimente pensar na sua auto-satisfação (desde que na prejudiquem ninguem, obviamente). e experimente fazer isso tomando coca e comendo chocolate.

;)


Frase de filme: "amor... ela.... é homem!" "seu nojento!"

Frase filosófica: "ouié!"

segunda-feira, 17 de março de 2008

Pense nisso

entre prioridades e desejos.... um passeio de bicicleta cai tri bem.

sábado, 15 de março de 2008

"sempre faço o que eu quero"

Acabo de ver o DVD da minha formatura.
Sim, mais de um ano depois.
Acho que até foi melhor assim, agora minha saudade é madura e não aquele exagero eufórico.




Enfim, quantas coisas mudam. 1 ano e 3 meses depois nem consegui rever todos meus grandes amigos quem dera os amigos e os conhecidos.
Destino? Talvez.
Apenas conseqüências de escolhas, desejos e necessidades.




"Eu sempre faço o que eu quero e dessa vida, muito eu não espero" cantávamos todas manhãs.
E deve ser isso mesmo. Fazer o que se quer sempre que possível e não esperar muito desse mundo.
Seguir sorrindo, deixando o cabelo crescer e conhecendo gente legal. Seja onde for. Mas não esquecer do tempo em que um par de all star, um show ou uma piada salvava o dia e o mundo que explodisse.


Frase de filme: "rosebud"

Frase filosófica: "sempre faço o que eu quero, e dessa vida, muito eu não espero"

quarta-feira, 12 de março de 2008

Seja lá, aonde for.

"vamos chegar até lá, seja lá, aonde for!"
(trecho de musica que fiz pensando em amigos de novo hamburgo e que só amigos de pelotas cantam)



as vezes parece que esse refrão resume minha vida. ou pelo menos o sentido que tendo dar a ela.
o sentido de "porra, eu vô faze o q eu quero. e de um jeito fácil ainda, que viver dramas da muito trabalho!"


pior, tá ai. 'viver dramas da muito trabalho'



isso podia ser nome de filme. ou de Album de banda. É, acho que em album ficaria melhor.
"O novo Album da banda CapponeS! "viver dramas da muito trabalho"
"O novo Album da Cachorro Grande! "viver dramas da muito trabalho"
"O novo Album da Publica! "viver dramas da muito trabalho"
"O novo Album do Rolling Stones! "viver dramas da muito trabalho"
"O novo Album do The Who! "viver dramas da muito trabalho"



Enfim, pensem nisso. "viver dramas da muito trabalho"

terça-feira, 11 de março de 2008

ouié 2

huuuuuuuuuuum


a vida parece tão simples.



Frase de filmes 1: "Carpe diem!"
Frase de filmes 2:"eu preciso conseguir essa garota"
Frase de filmes 3:"o povo dormindo e esses dois aqui, no meio da praça."


Frase filosófica: "Carpe Diem!"

"o pensamento esta nascendo.... da cabeça ele saaai" CG

pensamento estranho que surge e fica ali, esperando tornar-se realidade.
que fazer?
lutar contra? aceitar?
se lutar contra, pq? talvez pq nao dependa só de mim.
aceitar, pq? talvez pq não dependa só de mim.


sempre sigo os impulsos, mas desta vez nem eles sabem pra onde ir.




Frase de filme: "é, nome de cores, alguém tem que fazer este trabalho!"


Frase filosófica: "e agoooooora?"

sábado, 8 de março de 2008

hiperatividade mental

"minha hiperatividade me faz cantar o tempo todo."

"a minha é mental"



pois é. eu achei que estava vencendo está doença.
me iludi, achando que conseguia controlar a velocidade/quantidade dos meus pensamentos.Já evolui bastante, mas surgem algumas pessoas que simplesmente acabam com meu autocontrole.
Já me disseram que os artistas deveriam ser assim. Eu até poderia me considerar um artista tendo uma banda e estudando cinema, mas não me considero um. Talvez fosse a hora de pirar de vez, ou a hora de recuar.
Recuar para o que eu seria se nunca tivessem me dado uma câmera na mão ou se eu nunca tivesse pensado "ah. eu também posso escrever algo assim!"
Tem dias que os ideais oscilam, mas aí lembra-se daquelas poucas certezas que nunca desaparecem. Então, o mundo volta a ser simples e a vida volta a ser fácil.



"então eu me lembro, que tenho você, e começo a me acalmar"
C.G.




Frase de filme: "você nao precisa provar que está certo, apenas que o outro está errado"

Frase filosófica: "sinceridade leva a certeza"

ouié

Não me indaguem o porque, mas escrevi isso em meio a festa com os bichos do Cinema....
sejam bem vindos.



então, penso naquelas palavras.
sinto saudade de escuta-las.
mesmo que nunca tenham sido ditas.

Já ouvi muito.
Ja disse muito.
Frases memoráveis e
frases pra esquecer.

Decepções e conquistas,
Conversas por aqui,
Sucessos e alegrias.


Convenções e aparições
Apareça por aqui
Quero ganhar teu sorriso.

O sapato delicado,
na minha direção
traz a sensação,
talvez, a emoção.



Frase de filme: "nunca, NUNCA dance assim na frente dela"

Frase filosófica: "o bonzinho só se fode"

quarta-feira, 5 de março de 2008

ããã.... sei lá

"tchê, sei lá..."

tem dias e situações que não sobra nada a ser dito do que um grande e conclusivo 'sei lá'.
nunca perceberam? a situação não indica nada a ser feito. ou, o que pode ser feito não é do agrado. para se atingir o objetivo só resta esperar... então, só o que se diz é.. "cara.... sei lá..."

grande idéia essa, do sei lá, sempre resolve.


"e ai... vai faze o exame?"
"hum.. sei lá..."


"então, vai namorar com ela?"
"éé... sei lá..."

"então, joãzinho, vai começar a colaborar?"
"sabe que é... sei lá... assim..."

"e o jogo, que faltou?"
"sei lá... nós... "

"então, presidente, qual será a decisão tomada...'
"sei lá.., digo, iremos encaminhar de acordo com..."



Frase de filme: "tu sabe q eu nao gosto de me encontrar com quem eu nunca vi na vida né?"

Frase filosófica: "sei lá...."

terça-feira, 4 de março de 2008

em uma segunda feira chuvosa....

"então, o desespero bate à tua porta. e o que tu faz? nada.

deixa ele na rua e vai dormir. talvez amanha ele tenha desistido e ido embora"





Frase de filme: "fique calmo! eu estou calmo!"



Frase filosófica: "ooooooooooooooooooo lá em casa!"

quinta-feira, 28 de fevereiro de 2008

simplEsmente, leonardo. simplEsmente.

Em um instante de satisfação imensurável....

Tem dias que fico pensando...

talvez eu seja um idiota que acha a vida interessante demais
talvez eu seja um puta sortudo que consegue estar sempre indo em direção do que quer/sonha/deseja
talvez eu seja um conformado que sente-se feliz com o que lhe aparece
talvez eu seja um abobado que enxerga coisas demais nas pessoas.
talvez eu seja um abobado que enxerga coisas demenos nas pessoas.
talvez qualquer coisa.
mas sinto-me feliz.





Tómara que tudo de certo.

Um show aqui, um filme ali. Talvez um texto ou outro.



Incrível prezados leitores deste humilde blog. Tentem simplismente fazer...

como um dia ousei escrever "vamos chegar até lá, seja lá, aonde for."





Frase de filme: " Obrigado senhor prefeito, por mostrar que um artista que quer mostrar seu talento, suas obras.... não precisa ir até Porto Alegre!" graaaaaaaaaaaaaande Furtado. GRande.



Frase filosófica: "yeah!"

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2008

"quero pegar sua mão... que coisa ruim"

claro né, pq poético é o crew!

terça-feira, 26 de fevereiro de 2008

então... recomeçará.

algumas pessoas novas por aqui... interessante, não sei como será.

darei o primeiro trote da minha vida, sem nunca ter levado um...

interessante, isto. a vida.



"então, de repente, ele olhou pro lado e não sabe o que sentiu. não tem como ter certeza, mas parece enxergar ali a beleza e o que há de necessário para se ver o tempo passar. talvez não seja, provável, porém a sensação de que poder ser, torna-se incomparável."




Frase de filme: "vale a regra dos 10 segundos!"

Frase filosófica: " se tudo passaaa, talvez você passe por aqui, e me façaaaaa, esqueceeeeeeer esqueceeeeeer!"

segunda-feira, 25 de fevereiro de 2008

então, naquele instante ele percebeu que estava lá. fazendo o que gosta, sentindo-se feliz, junto com amigos, conhecendo pessoas legais e ainda ganhando para isso.
e, aquela música foi a melhor que ele ja tocou.



talvez, não pra quem escuta... mas sim pra ele.





"nada que ele faz tem sentido, ele é um cara locããããão!"
música. escola. pessoas.
música. escola. pessoas.
música. escola. pessoas.

isto ira se repetir três vezes.

espero, realmente viver disso.



"cappones! cappones! cappones!"




"pássaros cantando... dia ensolarado!"



Frase de filme: "o rock é a única maneira de gritar contra o homem!"

quarta-feira, 20 de fevereiro de 2008

Então, seguindo a onda interna saudosista....

O mesmo lugar.
O mesmo vento.
Talvez o mesmo pássaro. (pq não?)
Um outro peixe saltou.

Não, a graça não é a mesma.
A magia não é a mesma.
Sem encanto, sem aquele elemento.

Sem o essencial.
Sem a preseça.
Sem a essência.
hoje eu sai correndo de casa e esqueci uma janela aberta.

agora a casa esta cheia de mosquitos.

quando conseguia dormir apesar deles, alguem liga pra minha casa a cobrar, espera eu atender e desliga.

agora estou acordado, totalmente desperto e cheio de picadas de mosquito.






i loooooooooooooooooove my life.
hum........



me deu uma vontade.........




de dizer algo.........






pra mudar a sua vida..........



porém.......






nada me ocorreu...













desculpe-me.
decepção.

fatos hoje me abalaram.
em compensação, outros me animaram.

viva a vida, ela costuma ser assim.




cabo de guerra:

razão X coração



então, quem deve ganhar?

terça-feira, 19 de fevereiro de 2008

não sei vocês, mas eu me sinto estranho em relação à algumas coisas que acontecem.

distância por exemplo. seria mais pratico ter todas as pessoas que se quer bem por perto, não? ou pelo menos à uma distância razoável. ou que, imagine que facilidade, não precisar escolher pra que lado ir e quem ver.

injusta esta vida, considero eu.




Frase de filme: "quando tudo isto acabar, e invadirmos Paris podemos tomar um café juntos. o que acha?"

segunda-feira, 18 de fevereiro de 2008

"sempre quis saber
saber de tudo.
saber o poder.
poder o saber.
mas o poder do saber.
é saber do poder.
e acho que ninguém
nunca saberá tudo.
mesma que consiga
só sáberá do poder.
Ninguém nunca terá
todo poder do saber."

então, tempos atrás disse eu:

"no calor da amizade e
no calor do fogo.

na frieza das palavras e
na frieza da agua.

na pureza dos atos e
na pureza do ar.

no aroma do chocolate e
no aroma da terra molhada

na insensatez da brincadeira e
na insensatez da natureza.

descubro que é agora que a vida vai começar e eu prefiro voltar."


"Te quero.
te quero minha.
te quero nua.
te quero sensual.
te queto compreensiva.
te quero maluca.
te quero serena.
te quero e te quero
te quero, enfim.
me queres?"



nossa. eu era estranho.






Frase filosófica: "o mundo é um amontoado de elétrons"

o Leonardo româncito de outrora...

arrumando minhas coisas descubro um escrito:



"para aquela que salva o dia,
para aquela que encanta,
que diverte, que manda,
que chinga, que alegra,
que faz feliz uma alma solitária"

uma simples lembrança, na esperança de que gaste um pouco do teu tempo pensando em mim.






naturalmente não direi pra quem era... mas o interessante é que não me vejo mais escrevendo coisas assim.

a questão é descobrir se isso é bom ou ruim.

se é amadurecimento, envelhecimento ou simplesmente um coração sem muitos sentimentos.





Frase de filme: "não quero ir embora" "então não vá. vamos montar uma banda de jazz."


Frase filosófica: ...
"afinal o que é rock and roll?

os óculos do John ou o olhar do Paul?"

domingo, 17 de fevereiro de 2008

durante um fim de semana "viajandão"....

tem dias que acredita-se.
tem dias que parece longe.
tem dias que parece revolucionário.
em outros, ridiculo.


sei lá, parece.



as questões de sempre na mente. a mente de sempre revirando-se. cada gesto e cada palavra tem o poder de transformar. seja lá quem for, onde for e pra qual lado for.




_________________________________________________________________________________________________________________



Já sei que resolvi parar.
Unicamente faço pra tentar lembrar.
Logo conseguirei dominar-me e
Iniciar a busca.
Amor? Talvez.
Naturalmente desejo, mas espero
Apenas a tranquilidade dentro da cabeça.









Frase de filme: "a familia nunca deve ser prejudicada!"

Frase filosófica: "esperança e paciência"

sábado, 16 de fevereiro de 2008

frase de filme: 'eu nunca sei o que dizer'



pq, de novo, isto na minha cabeça?


de novo e de novo. que fazer?
é bom fazer algo que se quer e se acredita. experimentem.

sexta-feira, 15 de fevereiro de 2008

acontecimentos

interessante como as coisas acontecem.

cada parece mais vantajoso não esperar. isto, não esperar nunca.
terminam-se as decepções e iniciam-se as surpresas.




Frase de filme: 'meu carro ficou em pé!'


Frase filosófica: 'sossega, sossega....'

sexta-feira, 8 de fevereiro de 2008

um auto biografia não autorizada e profética

Um dia sonhei.
Sonhamos juntos.
Eu e meus amigos.

A vida trouxe tudo.
Trouxe o jogo aquele.
A festa importante.
A festa empolgante.

Tivemos as garotas.
Não todas, porque não éramos disto.
Trouxe as certas, simplesmente,elas.

Amamos o mundo.
Mesmo querendo muda-lo.
Talvez justamente por isso.

Perdemos, enfim.
Para sociedade
Para o mundo.

Seremos grandes pessoas.
Isso seremos.
Mas não daquele jeito.
Talvez perto. Muito perto.

Virão os filhos correndo.
Loiros ou com cabelos cogumelo.
A conversa sobre o último conceito.
Talvez uma delas assando um bolo.

No fim. Velhos legais.
Histórias de um grande tempo.
Macacos ou besouros.
Todos eram felizes.




Creio eu, e tenho fé que um dos meus talentosos colegas de banda irão conseguir musicar isto. Sou eu falando de mim, não seria capaz.





"ok cérebro. eu não gosto de você, você não gosta de mim. me ajude a terminar isto para que eu possa continuar tentando mata-lo com cerveja" Homer Simpson

quinta-feira, 7 de fevereiro de 2008

Queria cantar como o Paul.
Filmar como Almodóvar.
Ou escrever como Veríssimo.
Mas só o que faço é copiar o mundo a minha volta.
Copiar, copiar.
Copiando do meu jeito, ninguém reclama.

ah! o acaso....

Como sempre digo: as coisas acontecem por acaso e o mundo é o mesmo para todos, o que fazemos depois que a realidade nos dá um soco na cara é o que conta.


Claro, sempre podemos nos esquivar, mas não sei o quanto isto é lucrativo.





Frase de filme: Corra, Forrest, corra.


abraços.

sábado, 26 de janeiro de 2008

Tem ou têm? Vem ou vêm?

Tem dias feitos para pensar.
Tem pensar que vem para despertar.
Tem despertar que vem para amar.
Tem amar que vem para matar.
Tem matar que é razão de viver.
Tem viver que é por sorrir.
Tem sorrir que é por tristeza.
E tem tristeza que permite viver.

Tem insonia que vem por amor.
Tem amor que dá sono.
Tem sono que tem sonho.
Tem sonho que faz acordar.
Tem acordar que faz sonhar.
Tem sonharque faz acontecer.
Tem acontecer que faz terminar.
Tem terminar que faz começar.
E tem começar que permite viver.

Tem cantar que faz sorrir.
Tem sorrir que faz chorar.
Tem chorar que faz sorrir.
Tem sorrir que faz cantar.
Tem cantar que faz chorar.

Tem viagem para voltar.
Tem voltar para partir.
Tem partir para o novo.
Tem novo que é velho.
Tem velho que é ínicio.
Tem ínicio sem fim.
Tem fim sem meio.
Tem meio sem razão.
Tem razão com emoção.
Tem emoção sem coração.
Tem coração que é vazio.
Tem vazio cheio de nada.
E tem nada que permite viver.





Talvez eu consiga musicar isto.





Desculpa quem pede noticias e não recebe. Estava ocupado, e no tempo livre, investigando origens.




Frases dos últimos dias:

"fico massa cara!" "e se for assim?" "sabe aquela dos Beatles que..." "assim ó: a gente vai toca e dai..."

"Boa!" "fico foda!" "a gente ainda vai viver disso." "com certeza cara!"








PS: deve haver verbos mal conjugados lá em cima... mas como diz o Homer: "cada vez que aprendo uma coisa nova, deleto uma antiga da cabeça"

quarta-feira, 23 de janeiro de 2008

de repente.

Então, um dia, os besouros disseram:


"Tudo Que Você Precisa é Amor (Paul: Todos juntos
agora!)
Tudo Que Você Precisa é Amor (Todo mundo!)
Tudo Que Você Precisa é Amor, Amor"

"Oh, consigo com uma pequena ajuda de meus amigos
Eu me levanto com uma pequena ajuda de meus amigos
Tentarei com uma pequena ajuda de meus amigos"



e talvez seja simples assim.

domingo, 20 de janeiro de 2008

ããããã (expressão envergonhada)

caso, no post abaixo, alguma frase (ou outra coisa) esteja errada ou incompleta avisem.




"A memória é insegura. Ela pode mudar a cor de um vestido ou o rosto de uma pessoa" (AMNESIA)

NARRATIVAS, ah! narrativas!

Filmes, mensagens, histórias, analogias, análises. Sim, eu me alimento de narrativas.

Lembro do "O PERFUME", aquele cara sentia o cheiro de tudo. E hoje, percebi que realmente tudo tem cheiro. Minha casa tem um cheiro, saberia que estou aqui mesmo sem enxergar. Claro, minhas habilidades não são tão grandes como as do cara do filme.

"você disse que era possível tirar o cheiro de tudo!"


Lembro de "TUDO PODE ACONTECER EM ELISABETHTOWN", últimos olhares. O olhar que alguém da pra você quando acha que não vai vê-lo mais. É verdade, mas melhor do que os últimos olhares é estudar os intermediários. Eles podem dizer muito.


"estou bem. Obrigado"


Lembro de "O FABULOSO DESTINO DE AMELIE POULAIN", tentar deixar os outros felizes. Grande idéia, não? Mas, como acertar a mão? Digo, é fácil identificar o que é necessário para os outros? Bom, não custa tentar ser bom para alguém e marca-lo nesta vida.

"acredita em milagres?" "hoje não"


Hum, que tal "CINEMA, ASPIRINAS E URUBUS"? Fugir do que amedronta faz bem, porém, deve-se tomar isto como único objetivo na vida? De repente, esquecemos de fazer algo que nos deixe bem, feliz, ou pelo menos alegres. Viver assim? Talvez.

"você me devolveu a vida, a alegria de viver"


"O QUE FAZER EM CASO DE INCÊNDIO". Manter ideais? Adaptar-se? Rever o que se fazia, porém, qual o critério? No que acreditar, enfim?


"ele precisa de nós, como precisou a 20 anos atrás"


"O NASCIMENTO DE UMA NAÇÃO"(sim, eu vi esse. com muito esforço, mas vi.) Qual é a ordem, afinal?

*esse é mudo*


"TUDO SOBRE MINHA MÃE" O que fazer com segredos guardados quando o mundo desaba a minha frente?



"você tinha outro filho. ele morreu. vim avisa-lo"










Não, não são meus filmes preferidos. Não, não são análises criteriosas.



Apenas perspectivas, apenas.


















Frase de filme: "é impossível!" "mas vocês consegue" "pare de puxar o saco!" "consegue?" "tá bem, me arranje um laptop".

em uma noite de sábado, vendo televisão

"o que importa, claro, é o que importa, não importa como."

definitivamente, estamos salvos depois desta.

sexta-feira, 18 de janeiro de 2008

As veses minhas duvidas pairam em torno do que é melhor em uma determinada situação:

Se alguem paga um sorvete: Qual escolher?

Viaja para europa ou para o méxico?

O Paul ou o John?

O ringo ou o george?

Cachorro grande ou bide ou balde?

Também acabo pensando em questoes existenciais:

a mônica ou o cebolhinha?

chocolate branco ou preto?

drama ou ação?

Tendo dois caminhos bons para se seguir, escolher qual? O mais fácil, porém ainda assim interessante ou o mais dificil, que tende a dar um milhao de tristezas maiores, porém, se por acaso der certo...


Magali ou Cascão?



_____________________________________________________________________________________________

Ontem, me espantei com a falta de sinceridade das pessoas. hoje, me espantei com a eficácia moral da sinceridade junto com a delicadeza.
Viva as pessoas. Não canso de me surpreender.

Viva.


__________________________________________________________________________________________


Já que é assim.
Uma decisao eu tomo.
Logo, paro por aqui.
Inicio a longa esperança.
Amanha não será mais assim.
Num dia qualquer,
Acontecerá de novo.



Frase de filme: "eu tenho uma idéia para fazer um filme!"

Frase filosofica: "hum... é."

quinta-feira, 17 de janeiro de 2008

hum...

Hoje, fiquei sabendo da função enorme que fizeram pra um cara conseguir uma coisa...
Bom, nao importa o que é.

Só fiquei impressionado com o esquema que armaram. Inventa uma coisa aqui, outra ali, pra conseguir algo. A questão é, se tivessem sido sinceros as chances de conseguir eram realmente grandes. ao contrário do que são agora.
Falar o que se sente deixa tudo claro. Pode não tornar as coisas fáceis, mas deixa claro e simples. Ou é, ou não é. No máximo em suspenso.
Conclusão do dia de hoje: sejamos sinceros. Porque se nao formos felizes, pelo menos se sabe o motivos das lágrimas.

Vida, de repente.

"Ele precisa daquilo. Queria que acontecesse de novo.
Só para sentir o coração acelerar, só para perder a tranquilidade e controle sobre o que fala. Enfim, sentir-se vivo de novo.
Ele só queira aquela expressão novamente. Qual? Aquela expressão! A que é única.
A que faz a vida parecer real.
A que faz o coração disparar.
A que faz suar de nervoso.
A que faz ele viver.
E ainda bem que veio.
O mundo parece acontecer agora."

___________________________________________________________________________________________

Jesus! Que maravilha!
Um dia, de repente, acontece.
Loucuras, sanidades, mentiras, verdades.
Iniciou-se a espera.
Acontece, enfim.
Nada em especial, mas,
Aconteceu, afinal.


Frase de filme: "Eu achei que tinha sido perfeito!"

Frase filosófica: "a vida, definitivamente, é um moranguinho"

terça-feira, 15 de janeiro de 2008

sorrisos, lembrei de mais uns:

"que isso!?"

"qué orgulho"

"vem cá, vem"

"chega aeeeeeeeeeeeeeee!"

segunda-feira, 14 de janeiro de 2008

uma perspectiva aqui... outra ali....

Joker.
Única palavra na minha frente.
Louco? Talvez. Eu e ele.
Incapacitado de vencer um coringa,
Acabo de me questionar, se,
Na vida, tudo é perigoso.
Acho que a resposta é positiva, dependendo, claro, das perspectivas.


Frase de filme: “por causa do prego, perdeu-se a ferradura. Por causa da ferradura, perdeu-se o cavalo. Por causa do cavalo, a mensagem não foi entregue. Por causa da mensagem perdeu-se a guerra.”

Frase filosófica: “ah! As conseqüências. Ah! As conseqüências.”

sorrisos

Tento conhecer as pessoas pelo sorriso.

Sei lá, todo mundo fala dos olhos, janela da alma e blábláblá... mas sei lá, o sorriso é provocado, revela além da natureza da pessoa a intenção dela.
Se, conhecendo a pessoa e identifico um sorriso sincero, me ganhou. To na mão já...

Tem gente que esconde o sorriso. Pode até sorrir, não se precisa ser antipático, mas o sorriso que é visto, não é o sorriso da pessoa.

Tem aqueles sorrisos que dizem “a vida é uma grande piada mesmo” que rivalizam com os que dizem “a ta, e tu acha tudo perfeito?”. Um dos meus preferidos são os que dizem “capaz! Tu que é engraçado”, afinal, massageia o ego. Os que mais me divertem são os que parecem gritar “PUTAQUEPARIU, como é que tu pode reclamar da vida!”. Tem aqueles melancólicos, beirando a depressão “é, a vida parece boa, mas tu não sabe o que eu já vivi”. Tem os que irritam, são aqueles que dizem “a ta. E tu acha que chega perto de mim?” ou “idiota! Como eu queria estar a quilômetros daqui”. Devem existir milhões (deixe sua sugestão) mas os melhores são aqueles que dizem “nunca que este momento vai voltar” “cara, como nós conseguimos chegar aqui?”, “bom te ver de novo”, “bom saber disto”, também tem o grande e raro “eu te amo” e o insuperável “estou feliz”.

Bom, para quem sentir falta dos sorrisos de melancolia, tristeza, vergonha e tal... bom, isso todos temos, eu tava falando do tipo de sorriso que cada um de nós tem único. E acredite, todos temos.

Boa sorte com os sorrisos que receberem por ai.

sexta-feira, 11 de janeiro de 2008

erros, acertos, repetições.

opa!

se fala em medo, se fala em caminhos, se fala em tédio, se fala em futebol, se fala em viagens, se fala em descanso, se fala em aulas, se fala em futuro, se fala em relacionamentos... se fala em tudo, se fala em nada.


é estranho como a vida se repete. não pra nós, pois um caminho nunca é exatamente igual e é impossível dar ré na vida. Mas de uma pessoa pra outra, é igual. As decisões são as mesmas, os erros também. Claro os acertos também se repetem, mas porque não aprender?

a humanidade é burra.

depois não sabem para que estudar história...




e ah! num to falando de aquecimento global e vegetarianismo. falo de pessoas interagindo com pessoas.

quarta-feira, 9 de janeiro de 2008

CAMPANHA!

ATENÇAO! CAMPANHA COMENTE PARA O LEO...

MESMA QUE NAO QUEIRA DEIXAR SEU NOME (acho que habilitei esta opçao) ABRA OS COMENTARIOS E DIGA "PRESENTE!"

soh pra mim matar a curiosidade de quantas são a meia dúzia de pessoas que le isto ake...


desde já obrigado,


Leonardo Peixoto

mais algumas constatações...

É realmente estranho que em alguns dias a vida pareça tão simples e em outros, tão complexa.
Claro, como tudo na vida, ela própria não é de nenhum extremo.

É simples e é complexa. Como tudo, depende da perspectiva.

Sabe aquelas ondas que se estuda em física? Às vezes enxergo a vida daquele jeito. Subindo e descendo.....
Em outras, como se fosse um espiral, que sempre nos faz voltar próximo a algum ponto que se passou antes, mas nunca exatamente no mesmo.
E assim vai... metáforas são muitas...

A questão é não desperdiçar. E correndo o risco de um clichê, aproveitemos o simples! Mas não porque a felicidade está no simples, porque as coisas simples são o que mais há no mundo, e se nem isso soubermos aproveitar... que será de nós?


_______________________________________________________________________________________


Já que tudo se apresenta, aproveitarei!
Um dia não será assim, eu sei
Logo, ou não tão cedo, vai mudar.
Indicarão outro caminho, as tais coincidências.
As tais que escolhem nossos destinos...
Não, não acho que esteja escrito
Acontece por acaso, e é a partir daí que nos entramos.



Frase de filme: “ah! Os pequenos prazeres da vida!”

Frase filosófica: viver... viver... ah! Viver!

terça-feira, 8 de janeiro de 2008

sobre algumas considerações nesta vida...

Ei! Liberte-se.
Perceba o que está pela volta.
Não se prenda em suas manias, em seus trejeitos.
E muito menos se prenda a outra pessoa.
Ao mesmo tempo em que se vive só, se vive em comunidade.
Então, acorde!
Só se pode impor o seu ponto de vista com 100% de certeza, e claro, com humanidade e um pouco de medo.
Viva.
Talvez as coisas sejam melhores de outro jeito. Mas talvez não. Porém, como saber?

Ei! Viveremos, afinal? Ou vamos assistir tudo passar?



_____________________________________________________________________________________


Jura que vai mudar!
Um dia, talvez. Agora, não.
Logo assim, de cara. Não vai ser.
Indico-me uma esperança.
Algo que possa tornar rápido.
Não acredito em mim mesmo.
Acontecerá por acaso, tenho certeza.





Frase de filme: "agora, o mapa tem uma bifurcação. você pode escolher"

Frase filosófica: "um dia, talvez. mas por enquanto, aproveitar!"

domingo, 6 de janeiro de 2008

ócio

pensem, pensem. tem dias q manter-se inerte pode salva-lo.
tem dia, que a inanição é incrivelmente satisfatória.
tem dias que parecem inúteis, mas podem ser essenciais.
Talvez o ócio e a inutilidade movam o mundo. Talvez.


Frase de filme: “cada criatura, por mais insignificante que seja, tem uma missão”

Frase filosófica: “viva, apenas viva.”

sexta-feira, 4 de janeiro de 2008

dia bom.

Sentir-se cansado. Correr a trás da bola. Bom fazer isto. experimentem, experimentem.

Guitarra, violão, baixo, bateria. Fico a indagar, como viver/ escutar isto, e de outra coisa gostar?


___________________________________________________________________________________


Justificadamente,
Unica e exclusivamente.
Livre de preconceitos,
Inicia-se assim, sem explicações.
A qualquer hora, vem e volta.
Não achei que fosse assim.
Algum dia me iludi, e achei q ia controlar sentimentos.